psicólogo

  CRP 06/06283-0

  • Grey Facebook Icon
terapiafirmativa@uol.com.br – (11) 3891 0838

Os outros

João me conta, indignado, que esta cansado dos aplicativos de encontro. "Ninguém quer nada pra valer. Só enrolam". Mais tarde, na mesma sessão, confessa que bloqueou um sujeito, porque ele não tinha carro e mora longe. "Assim não dá. Teria que leva-lo em casa a cada encontro". Next!

 

Mariazinha passa as sessões reclamando que não tem sorte no amor. As pretendentes são carentes demais, ansiosas demais, controladoras demais. "Essas mulheres são muito loucas", declara, sofrendo demais. Pergunto se poderia haver algo em sua atitude que atraísse mulheres assim. Ela responde, sem refletir: "Claro que não!. Sou o oposto delas, independente demais".

 

 "Não suporto o carão dos caras nas baladas. Ficam todos na deles, se sentindo deuses inatingíveis e rejeitando àqueles que não se enquadram no padrão de beleza do mundinho gay". E por que você continua a frequentar essas baladas, que parecem gerar tanta frustração em você, pergunto curioso. "Porque é lá que vão os caras que me interessam. Nas outras só têm bicha feia e pobre.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload